Aguarde carregando...
 
       
 
     
 
 
CIPETRAN NORTE - ANP mais que dobra previsão de poço Franco
 
NOTÍCIAS
 
 
     
 
ANP MAIS QUE DOBRA PREVISÃO DE POÇO FRANCO
Data: 13/05/2010 - 10:13h

A nova projeção mais do que dobra o cálculo inicial, de 2 bilhões de barris, em razão de mudanças no fator de recuperação das reservas.

A Agência Nacional do Petróleo ampliou a estimativa de reservas para o poço Franco, no pré-sal da Bacia de Santos, para 4,5 bilhões de barris. A nova projeção mais do que dobra o cálculo inicial, de 2 bilhões de barris, em razão de mudanças no fator de recuperação das reservas.

Perfurado inicialmente para encontrar o petróleo da capitalização da Petrobras, Franco pode agora ser incluído no primeiro leilão de reservas do pré-sal.

Previsão. Em nota divulgada ontem, a ANP informou que o cálculo das reservas de Franco foi feito com base na metodologia adotada pela Petrobras para avaliar as reservas de Tupi, que tem entre 5 bilhões e 8 bilhões de barris. A agência não divulgou números, mas adotou um fator de recuperação superior à avaliação inicial, que previa recuperação de 10% dos 20 bilhões de barris do reservatório.

O número era considerado conservador pela Petrobras, que diz ser possível extrair mais do que 10% do petróleo nos reservatórios do pré-sal. "É uma postura bastante conservadora, mas é dessa maneira que vamos trabalhar", chegou a dizer na semana passada, em Houston, o secretário de petróleo e gás do Ministério de Minas e Energia, Marco Antônio Martins Almeida.

Na ocasião, ele admitiu que o poço poderia ser destinado a outro fim que não a capitalização. A descoberta, argumentou, valoriza a região, que poderá ser incluída no primeiro leilão de reservas do pré-sal, caso o novo modelo regulatório seja aprovado no Congresso. Nesse caso, a Petrobras seria operadora do projeto com uma fatia mínima de 30% de participação. Não há ainda data marcada para o leilão.

A própria ANP, no comunicado de ontem, diz que o poço tem como objetivo principal de "ampliar o conhecimento sobre o pré-sal". Um segundo poço neste sentido, batizado de Libra, já começou a ser perfurado, a 41 quilômetros de Franco. Neste último, a ANP encontrou um reservatório de 272 metros de espessura, com petróleo leve de 30° API (medida internacional de qualidade). Em Tupi, por exemplo, o óleo tem 28° API.

A Petrobras já afirmou que pode iniciar o processo de capitalização sem necessidade de perfurar poços, avaliando o potencial de reservas apenas pelas pesquisas sísmicas. Além disso, foi autorizada pelo governo a tocar o processo sem esperar a ANP, deixando um eventual acerto de contas sobre as reservas para depois. A proposta do governo prevê que a Petrobrás compre até 5 bilhões de barris da União.

Na nota, o diretor-geral da ANP, Haroldo Lima, disse que "parece se tratar de um dos poços de maior potencial já perfurado no País". A projeção amplia as estimativas de reservas do pré-sal para até 20,5 bilhões de barris, contando com as descobertas anunciadas: Tupi, Iara, Guará, Parque das Baleias e Franco - as quatro primeiras operadas pela Petrobrás. As reservas atuais são de 14 bilhões de barris.

Fonte: O Estado de São Paulo


Voltar para notícias

 
     
MENU
     
 
Fique por dentro das novidades

e informações da CIPETRAN NORTE!
Cadastre GRATUITAMENTE seu e-mail aqui!!!

 
 
Nome    
   
 
 
Email    
   
   
 
 
Formas de pagamento
  Pagamento em dinheiro Pagamento com cartão VISA Pagamento com cartão Master Card  
     
     
     
     
Copyright 2018 © CIPETRAN NORTE LTDA.
Sistema de segurança desenvolvido por ARTlizando
 
CIPETRAN NORTE
Campos dos Goytacazes - RJ
Rua: Vicente Ferraioule, 181 - Parque Tarcísio Miranda
Telefone: (22) 27223142 / 30551965